Previna-se contra as doenças do Outono

A chegada do outono provoca o aumento significativo das doenças ligadas ao sistema respiratório. A queda de temperatura e a baixa umidade do ar, típicas nesta época do ano são os principais fatores que influenciam a manifestação de crises alérgicas e doenças infecciosas.

“O outono é a época do ano mais crítica, especialmente para os pacientes alérgicos com asma e rinite, pois é o momento em que tiramos os nossos agasalhos e cobertores do armário cheios de ácaros. Nessa época, ocorrem diversas alterações climáticas bruscas e as infecções virais (gripes e resfriados) são muito frequentes. Além de tudo isso, permanecemos mais tempo em ambientes fechados (92 a 98% do tempo), 40% dentro do quarto. A doença alérgica respiratória considerada mais grave é a asma, no entanto a rinite alérgica é também uma doença que muito nos preocupa, pois afeta em média 25% da população urbana”, alerta o médico alergista e imunologista Dr. Fábio F. Morato Castro, Diretor da Clínica Croce.

Entenda a diferença entre rinite, gripe e resfriado

No outono e no inverno muitas pessoas confundem os sintomas das alergias, da gripe e do resfriado. Congestão nasal, coceira no nariz, garganta arranhando, olhos lacrimejantes e com coceira, são comuns a alergias e resfriados, o que dificulta determinar a causa dos sintomas. Também nesta época, tanto as alergias quanto as infecções são muito frequentes.

A rinite é uma doença alérgica desencadeada por ácaros da poeira domiciliar, animais domésticos (cães e gatos), fungos (mofo), restos de insetos (barata) e, em algumas regiões do País, por polens. Os sintomas são imediatos: coriza e espirros, prurido e obstrução nasal
A gripe é uma infecção específica, causada por um vírus, chamado Influenza. Os sintomas são: mal estar, febre, coriza, moleza no corpo, tosse.

O resfriado é uma infecção geralmente causada por um Rinovírus, também chamado de vírus do resfriado comum, com sintomas semelhantes à rinite alérgica. Entre 08 e 10 dias, os sintomas do resfriado vão embora com repouso, hidratação e alimentação adequados. No caso das alergias isso não acontece.

Para complicar ainda mais, manifestações próprias de resfriado comum, como tosse e chiado no peito, podem ser similares aos sintomas da asma. Assim como as alergias, a asma não desaparece. “As condições que dificultam a respiração de quem tem rinite alérgica ou asma podem ser controladas com a medicação correta e mudanças no ambiente. No entanto, se você tem uma dessas doenças e ficar resfriado ou gripado, pode ser que seus sintomas alérgicos piorem bastante”, explica Dr. Fábio.

Centro de Vacinação da Clínica Croce

No ano passado, a Clínica Croce intensificou suas atividades voltadas à imunização de algumas doenças e seu Centro de Vacinação tornou-se referência em São Paulo.

O Centro de Vacinação da Clínica Croce imunizou muitas pessoas contra o vírus da gripe Influenza A/ H1N1.

Este ano, a unidade deverá receber os primeiros lotes da vacina em breve. “Intensificar alguns cuidados com a higiene das mãos, lavando-as com frequência com água e sabão, cobrir sempre o nariz e a boca quando espirrar ou tossir e manter uma boa alimentação e hábitos saudáveis certamente são condutas que auxiliam o controle da doença. Porém, a imunização é sempre a melhor aliada no combate dessas doenças graves”, enfatiza Dr. Fábio Castro.

 

Compartilhe