Onda de calor aumenta os casos de alergias a insetos

Brasil tem mais de 400 espécies de vespas e marimbondos

Imunoterapia tem eficácia comprovada de até 98%

Insetos, cosméticos e alimentos estão entre as alergias mais comuns desencadeadas durante a estação mais quente do ano, o Verão. No caso de insetos, eles estão divididos em dois grupos: aqueles que sugam o sangue, como pernilongos e borrachudos, e os que injetam veneno, como abelhas, vespas e formigas.

O primeiro grupo, que incomoda bastante, principalmente no clima quente, pode transmitir doenças como dengue, febre amarela e zika, além de desencadear as alergias de pele, provocando pequenas bolinhas vermelhas que coçam muito e, às vezes, sangram e infeccionam.

“Com o calor, o número de pernilongos aumenta e, nas praias, os casos mais recorrentes estão relacionados aos borrachudos. É importante combater os focos desses insetos não deixando água parada, por exemplo. Repelentes e até inseticidas são indicados no combate desses insetos”, comenta Dr. Fábio Morato Castro, especialista em Alergia, Imunologia e diretor da Clínica Croce.

O grupo de insetos que injetam veneno pode provocar reações alérgicas graves, como a anafilaxia, que pode até levar a morte.

Dr. Fábio explica que o tratamento para o grupo de pernilongos e borrachudos pode ser realizado com o uso de antialérgico. “Já no tratamento para insetos que injetam veneno, o diagnóstico é fundamental. É importante saber qual foi o inseto que picou. No Brasil temos mais de 400 espécies de vespas e marimbondos. O tratamento, por meio de imunoterapia (vacinas), tem uma eficácia entre 90% e 98%” enfatiza o diretor da Clínica Croce.

Alimentos e cosméticos – Frutos do mar, principalmente o camarão, também estão entre os desencadeadores das alergias de Verão. Segundo o médico, mesmo quem sempre comeu o alimento pode apresentar uma reação alérgica. Coceira, manchas vermelhas e inchaço de pálpebras estão entre os sintomas. A anafilaxia também pode ocorrer no contato com o alimento. “Ao sinal de falta de ar, procure o pronto-socorro mais próximo e comunique a ingestão do alimento”, aconselha o especialista em Alergia e Imunologia.

Entre os cosméticos, os protetores solares também podem provocar alergias. Manchas vermelhas, pequenas espinhas e coceira são os principais sintomas desse tipo de reação alérgica.

 

Compartilhe