Medicamentos usados sem orientação podem causar reações graves

Prática comum, porém muitas vezes fatal, a automedicação é um risco que atinge milhares de vidas, isto porque cerca de 16 milhões de brasileiros são alérgicos a algum tipo de medicamento. Os anti-inflamatórios não esteroidais são os maiores responsáveis pelas reações mais frequentes. Os antibióticos também aparecem, porém com menor prevalência.
Leia mais >

31 de Maio – Dia Mundial sem Tabaco

No Dia Mundial Sem Tabaco, os especialistas da Clínica Croce alertam que o cigarro é um dos principais gatilhos para as crises de asma. “Os brônquios das pessoas que têm asma são muito sensíveis aos estímulos externos (poeira, mudança de temperatura, viroses respiratórias, cheiros fortes, fumaça, etc) que acabam agindo como importantes gatilhos para as manifestações das crises de asma”, explica o médico alergista e imunologista da Clínica Croce, Dr. Fábio F. Morato Castro.
Leia mais >

Diga não às crises comuns do outono e inverno!

Nesta época do ano, dois grandes grupos de doenças preocupam os especialistas: as alergias respiratórias, especialmente a rinite alérgica e as crises de asma; e as doenças infecciosas, com destaque à gripe pelo grande número de crianças acometidas. Conversamos com a médica alergista e imunologista da Clínica Croce, Dra. Ana Paula Moschione Castro, que explicou quais as formas de controlar essas doenças.
Leia mais >
1 2 3 4 5 8